música

Evangélicos vendem mais CDs que artistas da MPB

Evangélicos vendem mais CDs que artistas da MPB

Nomes como Damares, Anderson Freire e outros lideram em número de venda de CDs

Artistas evangélicos vendem mais CDs que artistas da Música Popular Brasileira (MPB).  Segundo dados da Associação Brasileira de Produtores de Disco (ABPD), a música religiosa cresce 15% ao ano e hoje equivale a 30% da arrecadação da indústria.

Anualmente o mercado gospel movimenta R$ 1,5 bilhão com a venda de CDs, DVDs, livros e outros produtos, números que atraem empresários de diversos setores.

Gravadoras e artistas independentes do segmento evangélico estão sempre apresentando lançamentos, fomentando o consumo desses produtos. Uma reportagem especial do jornal O Dia chega a dizer que são dez CDs lançados por mês nesse segmento.

Um dos lançamentos esperados no mês de novembro é o CD “Eternamente” da cantora Cassiane, uma das principais representantes do gospel no país. Ele será lançado pela MK Music, gravadora que se destaca entre as empresas evangélicas.

Além de vender muitos CDs, o mercado gospel começa a consumir música através de plataformas digitais. Não é raro vermos cantores do gospel entre os mais vendidos do iTunes, sucesso já alcançado por Thalles Roberto, Leonardo Gonçalves, Daniela Araújo e outros.

Na Sony Music 72% do faturamento vem da venda de produtos digitais, como afirmou Maurício Soares durante o Festival Nacional da Música que aconteceu no mês passado na cidade de Canela (RS).

“Se há alguns anos tínhamos três mil pontos de venda de discos no Brasil, hoje trabalhamos com mais de 280 milhões de celulares, pelo menos 60 plataformas digitais, e um imenso campo de oportunidades e novas tecnologias”, disse ele.

Já na receita da MK Music o que vende mesmo são os CDs e DVDs físicos. Alomara Andrade, assessora da empresa, afirmou que 70% do faturamento da MK vem de produtos físicos e 30% do universo digital, incluindo as receitas do Youtube. “Temos públicos diferenciados”.

Uma das justificativas para o sucesso da venda de produtos evangélicos é que o público religioso não comercializa artigos pirateados, o que impede que o setor seja atingido com a diminuição das vendas, como acontece no mercado secular.

No ano passado o Gospel Prime realizou uma pesquisa junto a comerciantes evangélicos para saber os artistas do segmento pentecostal que mais vendem CDs no país. Entre os nomes mais citados estavam Damares e Anderson Freire, artistas que também estão entre os mais tocados das rádios.

damares-e-anderson-freire-267x200

 

Fonte: Gospel Prime

happy wheels

Rádio Alki Page

novembro 4th, 2015

No Comments